Ferramentas Pessoais

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Seções
  • Mercado Ver o Peso - Belém (PA)
  • Renda - Maceió (AL)
  • Concha acústica - Brasília (DF)
  • Comida mineira - Belo Horizonte (MG)
  • Centro da cidade - Porto Alegre (RS)
Você está aqui: Página Inicial / 11º Congresso / Regionais / Notícias / Manaus recebe membros da Rede Unida para Enc. Norte

Manaus recebe membros da Rede Unida para Enc. Norte

por Igor Cruz última modificação 12/09/2013 14:59
Durante três dias de atividades, representantes da região norte estarão reunidos na UFAM para construir parte da programação do 11º Congresso

 

Os ritmos e apresentações culturais do estado do Amazonas deram o tom da festa de abertura do Encontro Regional Norte, realizada na noite de 11/09, na Universidade Federal do Amazonas. Ciranda, teatro, as crenças da região, a historia da saúde e a magia do rio Solimões foram apresentados por estudantes da Federal do Amazonas e da Fiocruz Amazônia, como forma de boas vindas aos membros da Rede Unida e participantes. Com o tema “Girar a vida na Amazônia: o banzeiro no cotidiano do SUS”, o Encontro Norte reúne gestores, profissionais de saúde, estudantes de graduação e pós-graduação, acadêmicos, representantes de movimentos sociais e da sociedade civil, até 13/09, para refletir sobre novos cenários de mudanças na Saúde e no SUS. Além disso, o encontro visa colher contribuições para o 11º Congresso Internacional da Rede Unida, previsto para abril de 2014. O secretario de saúde estado do Amazonas e o secretario municipal de saúde de Manaus prestigiaram a solenidade de abertura.

Ao dar as boas vindas, o secretário de saúde do estado do Amazonas, Wilson Alecrim, parabenizou a organização do evento e destacou a importância de integrar a saúde e a educação para propor um novo modelo de formação dos profissionais de saúde, capaz de atender às necessidades locais da população. “Estamos quebrando alguns paradigmas no que diz respeito à formação de recursos humanos no SUS. O primeiro deles é o Programa Mais Médicos, mas precisamos também fazer uma intervenção na grade de formação da graduação, pois precisamos de egressos que sejam formados na lógica de trabalho do SUS e não na lógica do mercado”, disse Alecrim.

O secretário de saúde de Manaus, Evandro Melo, também participou da abertura e complementou a fala de Alecrim ao afirmar que o desafio do SUS é construir soluções diversas para contextos distintos, como é o caso da região da Amazônia. “Nenhum modelo de atenção à saúde se encaixa a nossa realidade. Nenhum caboclo irá encontrar nos livros conhecimento que se encaixe em nossas necessidades. Esse é o nosso grande desafio: construir um modelo que dê conta de um pequeno conglomerado de pessoas disperso em uma grande região. Para isso precisamos construir um sistema móvel, pelas águas, pois o rio comanda a vida da nossa região, explicou o secretário. E disse mais: “por isso é necessário investir numa política de educação permanente capaz de influenciar as pessoas que trabalham no SUS para construir um sistema de saúde compatível com as necessidades da nossa região”.

Sobre o assunto, o coordenador nacional da Associação Brasileira da Rede Unida, Alcindo Ferla, destacou o valor do Programa Mais Médicos: “nós somos o único País do mundo com mais de 50 mil habitantes que mantém um sistema universal, em que pese todas as nossas dificuldades. Espero que este encontro sirva para comemorar um programa como o Mais Médicos, pois não podemos pensar em um sistema único sem profissionais distribuídos por todas as regiões do Brasil”, defendeu Ferla. E o coordenador complementou: “precisamos fazer com que a regulação do trabalho em saúde não seja pautada pelos interesses das corporações. Não é possível pensar que o indivíduo escolha que não vai trabalhar em uma determinada região e, ainda por cima, interdite o direito de que outros possam trabalhar nestas regiões”.

O professor da Universidade Federal Fluminense, Túlio Franco, foi o convidado para encerrar a solenidade e aproveitou para também valorizar o Sistema Único de Saúde. “É a primeira vez que venho a Manaus a convite da Rede Unida - um espaço nacional e inovador de discussão sobre o SUS e de discussão sobre nós mesmos! Não temos como falar do SUS de forma artificial, administrativa, burocrática. Nós vivemos no SUS múltiplos encontros o tempo inteiro, e os encontros que nos temos no SUS: com as pessoas, com as ideias, com as propostas, com o cotidiano do cuidado, dizem respeito à construção do SUS e a nossa própria construção. E é por isso que eu digo que nós que trabalhamos no SUS vivemos numa dobra, pois toda vez que vivenciamos e transformamos o SUS também vivenciamos e transformamos nós mesmos”, refletiu Franco.

A noite terminou com um coquetel e show do grupo folclórico “Boi Garantido”, da famosa Festa de Parintins. Além de celebrar a abertura do Encontro Norte, todos os participantes foram presenteados com um anel de tucumã, feito por um artesão de Parintins, como símbolo para lembrar a todos das reflexões e compromissos firmados ao longo dos três dias de atividades.

Confira as fotos do Enc. Norte

registrado em: , , ,
Insert Alt Nordeste Centro-Oeste Sudeste Sul
Calendário
« Outubro 2019 »
Outubro
DoSeTeQuQuSeSa
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031